domingo, 6 de setembro de 2015

SEM TETO N[o Largo d]A BATALHA



Sem Teto no Largo da Batalha.
Sem teto na batalha...
.

Faixa de boas vindas da ocupação do MTST
Durante quase um mês (de 08/08 a 05/09/2015), o terreno no Largo da Batalha onde a Prefeitura de Niterói pretende construir um terminal de ônibus início da Estrada Francisco da Cruz Nunes, aos fundos do Fórum de Pendotiba —foi ocupado por mais de 200 famílias, num total de mais de 700 pessoas.


Ocupação 6 de abril de 2010, portão de entrada



Biblioteca e sala de brinquedos para a garotada
Organizados pelo MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto), os ocupantes rapidamente criaram uma (provisória e coletiva) "minicidade". 



Participante mostra interior da barraca,
que divide com o filho




Cozinha coletiva garante o almoço


A organização toma cuidado com a higiene do espaço
Seus moradores são pessoas vindas de diversos bairros da cidade, entre eles vários ex-moradores do Morro do Bumba, vítimas do desmoronamento de 2010, cuja data se tornou nome do acampamento.
.


Visão geral das barracas
Umas das características mais marcantes da ocupação é a organização em si, tão cuidadosa quanto criativa. 
.
Outra é a intenção dos organizadores, que não pretenderam transformar a área em nova favela (diferentemente do que ocorre nas ocupações espontâneas). 



Contrastes no Largo da Batalha:
barracas da ocupação, casa confortável e favela na ribanceira



Crianças continuam nas escolas onde estudam
A proposta era conseguir das autoridades uma oferta concreta de residências para o grupo, além de, no geral, chamar a atenção da sociedade para o drama das pessoas que não têm casa.
.


Área fica em acesso à região oceânica, junto a Pendotiba,
Embora tenha caído na última década, o déficit habitacional no Brasil estava, no final de 2014, em cinco milhões de moradias, formado quase totalmente por famílias de baixa renda. 
.

O terreno fica atrás do moderno Fórum de Pendotiba
Um dos principais motivos para esta situação está no fato de que as empresas construtoras só se interessam por compradores de maior capacidade aquisitiva.
.


"Salão de jogos" improvisado
O cadastro das famílias da "Ocupação 6 de abril de 2010" foi entregue à prefeitura de Niterói, que, em reunião com a coordenação do movimento, se comprometeu por escrito a fazer a doação de um terreno em região próxima, no bairro do Sapê, onde seriam alocados os manifestantes, depois de construídas as moradias. 
.


Qualquer plástico é útil...
Em troca, os ocupantes, em boa fé, concordaram em desmontar o acampamento e voltarem às condições de vida anteriores, à espera da construção de suas residências.



Ocupante fez um "puxadinho" para o "sofá"...
Parece pouco provável que o problema da carência de moradia para a grande massa da população brasileira seja resolvida desta maneira... 
.

Área de lazer é campo de pelada das crianças
Certamente, outras ações terão que ser feitas.




Para banho, a antiga guarita do terreno


A prefeitura planeja para o terreno,
em vez de gente, um terminal de ônibus